Diversos 01/10/2020

Trabalhar na Itália: saiba quais empregos tem maior demanda

Trabalhar na Itália: saiba quais empregos tem maior demanda | Rotunno Cidadania

Você sabe quais empregos tem maior demanda na Itália? Se você pretende imigrar e ir morar no país europeu, precisa se preparar para conseguir um emprego com facilidade por lá e poder viver adequadamente, com um período de adaptação mais curto por lá.

Apesar da língua diferente, a Itália é um dos principais países destino para os brasileiros que decidem tentar a sorte no exterior. Não é à toa, já que o Brasil recebeu milhares de imigrantes italianos no passado, que criaram raízes aqui. Atualmente, no Brasil, estima-se que existam de 25 a 30 milhões de pessoas descendentes de italianos, o que é o equivalente a 14,8% da população nacional. Por isso, são muitos os brasileiros que vão para lá por causa da nacionalidade ou dos laços sanguíneos.

Quer saber quais empregos tem maior demanda na Itália? Então siga a leitura do artigo abaixo!

Quais empregos tem maior demanda na Itália?

1. Empreendedor

A Itália é, atualmente, um país com economia muito focada na área de serviços e turismo, com atividade industrial reduzida. Isso coloca o país um degrau abaixo de potências europeias como a Alemanha e a França, além dos países nórdicos.

Por isso, há uma grande demanda por empreendedores, capazes de fundar empresas, gerar empregos e poder revitalizar a economia nacional. As áreas de atuação são muitas.

Existem, claro, muitas outras possibilidades dependendo do seu nível de experiência. É mais fácil começar a empreender com empresas focadas em atender ou otimizar a economia atual, mas dá para inovar e trazer tecnologia para a produção industrial italiana também. Vai depender, claro, da sua capacidade de investimento, do seu conhecimento técnico e do know-how para investir em outro país.

Se você tem experiência em trabalhar com distribuição de alimentos em aplicativos, como em uma distribuidora de bebidas em Rappi ou outros apps, poderá montar uma empresa que faça esse serviço para abastecer os muitos restaurantes e cafés das cidades italianas. Essa é apenas uma das muitas ideias possíveis de empreendimentos no país.

2. Padeiro

Você tem alguma experiência trabalhando em padarias? Leva jeito para mexer com a massa, trabalhar com confeitaria, fazer pães de todos os tipos? Tem disposição para aprender receitas novas e se dedicar não só a acordar muito cedo, mas a testar novos ingredientes para se especializar na fabricação de pães? Então tem tudo para ter uma carreira próspera na Itália.

Pode não parecer, mas o país das massas está com uma grande necessidade por panettiere, que são os padeiros locais. Para se ter noção, um profissional da área (que não precisa ter uma formação teórica específica e nem diplomas) pode ganhar de 1.500 a 2.500 euros por mês, com alguns salários chegando a 3.000 euros. Para se ter uma noção, o salário mínimo italiano é de de 1.000 euros. Portanto, dá para dizer que é um bom rendimento e disponível para imigrantes, já que não exige formação específica.

3. Profissional de TI

Atualmente, a área de TI está em constante crescimento em todo o mundo. É raro encontrar um país que não precisa de mão de obra desse tipo e que não sofra com a ausência de bons profissionais.

A Itália, claro, não é uma exceção. Os grandes centros urbanos do país costumam abrigar as principais empresas de tecnologia, mas sempre há vaga para profissionais capacitados. Não é à toa que muitas empresas vão buscar profissionais qualificados em outros países, inclusive no Brasil.

Portanto, se você tiver conhecimentos de programação, Machine Learning e mais, poderá encontrar um bom futuro profissional na Itália.

4. Mecânico

Se tem uma coisa que os italianos gostam tanto quanto comer massas ou ver futebol é andar de carro. Não é à toa que o país é a casa de algumas das principais montadoras do mundo, como a Fiat, Ferrari ou a Lamborghini.

Entretanto, apesar desse amor por automóveis, há um déficit na quantidade de mecânicos disponíveis para dar conta da demanda de cuidados que os carros italianos pedem.

Por isso, imigrantes com bons conhecimentos em engenharia de carros podem encontrar um bom fluxo de trabalho nas grandes cidades.

5. Encanador

Por fim, vale mencionar que há uma grande demanda por encanadores nas grandes cidades italianas. Em alguns centros urbanos, por exemplo, pode levar dias para conseguir marcar um hidráulico.

Por isso, quem tiver experiência no assunto, capacidade de falar italiano e vontade de trabalhar não ficará sem emprego nessa área, além de poder receber um bom salário também, especialmente nas grandes cidades.

A forma mais barata e rápida de enviar dinheiro para o exterior. Junte-se a TransferWise

Mas por onde começar?

Primeiro de tudo é entender quais são as formas legais de imigrar na Itália. Pra isso, busque empresas especializadas em mobilidade Global, como a Rotunno Immigrations & Solutions. Serão esclarecidos os principais custos, taxas consulares, como também toda assessoria de documentação para o processo.

Ente melhor quanto custa tirar a cidadania italiana

E aí, se surpreendeu em saber quais empregos tem maior demanda na Itália? Como deu para ver, o país precisa de um misto de trabalhadores manuais, mas também qualificados.

Qual desses empregos mais interessa a você? Comente com a sua opinião abaixo!

Leia também outras notícias

  • Dupla cidadania na pandemia é um bom investimento? | Rotunno Cidadania Diversos

    Dupla cidadania na pandemia é um bom investimento?

    Leia mais

  • Como validar diploma brasileiro em Portugal, nos EUA e Canadá. Guia Completo | Rotunno Cidadania Diversos

    Como validar diploma brasileiro em Portugal, nos EUA e Canadá. Guia Completo

    Leia mais

  • Morar na Alemanha: Conheça as vantagens | Rotunno Cidadania Diversos

    Morar na Alemanha: Conheça as vantagens

    Leia mais

Este site usa cookies e dados pessoais de acordo com os nossos Termos de Uso e Política de Privacidade e, ao continuar navegando neste site, você declara estar ciente dessas condições.