Cidadania Italiana: quanto custa?

Cidadania Italiana 07/12/2023
cidadania-italiana-quanto-custa-2 | Rotunno Cidadania

A cidadania italiana é um investimento para toda a vida, e por isso todo o mundo que pensa em correr atrás dela chega à mesma pergunta: quanto custa?

É claro que, tanto por questões de oportunidades, de qualidade de vida, objetivos familiares ou até mesmo por motivos históricos, muitas pessoas buscam obter a cidadania italiana. Mas será que vale a pena?

A resposta é sim, vale muito a pena. Porém, além de entender como funciona todo o processo, é importante estar ciente dos custos envolvidos, para se preparar para o que está previsto e o que pode ser inesperado no meio dos trâmites.

Neste texto, vamos falar sobre diversos aspectos relacionados à cidadania italiana e detalhar os gastos que você vai ter para conquistar o tão sonhado passaporte italiano.

Sumário

Como funciona a cidadania italiana?

Uma das formas de conquistar a cidadania italiana é estabelecido pelo chamado princípio do direito de sangue. Isso significa que é possível obter a cidadania italiana por meio da ascendência de pais, avós ou até mesmo bisavós e trisavós italianos.

Mas esta não é a única forma. As pessoas que se casam com cidadãos italianos também têm esse direito depois de um prazo estabelecido.

Se quiser saber mais sobre a cidadania italiana e se você tem direito, clique aqui.

 

Cidadania italiana: Quem tem direito?

Então, para organizar as informações, aqui estão as pessoas que podem solicitar a cidadania italiana:

  1. Descendentes diretos de cidadãos italianos, independentemente da geração (filhos, netos, bisnetos, etc.);
  2. Cônjuges estrangeiros de cidadãos italianos, após completarem o tempo definido e demonstrarem conhecimento do idioma (veja mais detalhes aqui);
  3. Pessoas que foram adotadas por cidadãos italianos e atendem às condições estabelecidas na legislação italiana.

Clique aqui para tirar qualquer dúvida que você tenha sobre o seu direito à cidadania italiana.

 

Quais os benefícios de ter a cidadania italiana?

É claro que os grandes motivos para querer a cidadania italiana são os benefícios, que são muitos. Veja alguns:

  1. Livre circulação na União Europeia: Com a cidadania italiana, é possível morar, trabalhar e estudar em qualquer um dos países da UE sem a necessidade de vistos ou autorizações;
  2. Acesso ao sistema de saúde italiano (e europeu): A Itália possui um sistema de saúde público muito bom, e os cidadãos italianos têm acesso a tratamentos médicos e hospitalares de qualidade, além de poder acessar os sistemas de saúde dos outros países da União Europeia;
  3. Educação gratuita: Os cidadãos italianos têm acesso ao ensino público gratuito da Itália e de outros países europeus, incluindo universidades;
  4. Benefícios sociais: As pessoas que têm cidadania italiana têm direito a diversos benefícios sociais oferecidos pelo Estado, como aposentadoria, auxílios (inclusive quando está desempregado) e outros subsídios;
  5. Reconhecimento cultural: Ter a cidadania italiana significa que você vai fazer parte de uma rica e histórica cultura, com contribuições importantes para toda a humanidade;
  6. Entrada em diversos países sem visto: Além de tudo isso, você pode entrar em diversos países do mundo, como os EUA e o Canadá, sem precisar de visto. Afinal, o passaporte italiano é um dos mais poderosos do mundo.

 

Quanto tempo demora para conseguir a cidadania italiana?

O tempo necessário para obter a cidadania italiana pode variar muito, dependendo do tipo de processo escolhido, da documentação que você já tem disponível e da velocidade dos órgãos responsáveis. Por isso, os prazos podem variar de alguns meses a vários anos.

O processo pode ser mais rápido para quem tem todos os documentos em mãos e opta por via judicial ou administrativa.

Já a via consular costuma ser mais lenta, pois depende do agendamento de entrevistas em consulados, que tem disponibilidade limitada. Atualmente, a espera por essa opção pode ultrapassar os dez anos.

Para saber qual é a melhor opção para você, o caminho mais indicado é conversar com um especialista. Assim, além de otimizar o tempo, você também pode economizar nos gastos.

 

Cidadania Italiana: saiba quanto custa o processo completo

Obter a cidadania italiana envolve diversos custos, desde despesas com documentação e com possíveis viagens até taxas que você vai pagar para pegar a sua identidade e o seu passaporte.

Abaixo, estão os principais itens que compõem os gastos ao longo do processo:

 

Custos com os correios

Sim, o envio de documentos por correio é uma prática que pode acontecer no processo de cidadania italiana.

Por isso, é necessário considerar as tarifas postais, e os valores podem variar de acordo com a localidade de origem e destino, como quando parte dos documentos dos seus antepassados estão em outras cidades (inclusive da Itália), e você tem que pedir para o cartório de origem.

 

Emissão de certidões

A obtenção de certidões de nascimento, casamento e óbito é essencial para comprovar a sua herança da cidadania italiana.

As que foram feitas no Brasil devem ser emitidas pelos cartórios na versão em inteiro teor, acompanhadas da tradução juramentada e do apostilamento de Haia, para que possam ser reconhecidas pelo Estado italiano.

Quando você planejar os custos das certidões, lembre-se que eles aumentam de acordo com o número de gerações entre você e o italiano que deu origem a você. Portanto, os netos gastam menos do que os bisnetos, e assim por diante.

 

Pesquisa de certidões e documentos na Itália

Em alguns casos, se você não tem a informação exata de onde é a origem do seu antepassado italiano, é necessário fazer a busca de documentos diretamente na Itália, o que vai demandar o pagamento de taxas para os órgãos responsáveis pela emissão desses documentos.

Mesmo que você tenha o documento em mãos, há a necessidade de emissão de uma cópia recente para fazer parte do processo. Portanto, esse é um gasto que você precisa contar sempre.

 

Retificações de documentos

Os documentos antigos em geral têm erros, como grafias de nomes e sobrenomes, datas e idades equivocadas, ou mesmo cidades e localidades que não correspondem a outros documentos.

Como a história da sua família tem que estar contada de forma correta para você pedir a cidadania, os documentos podem precisar de retificações para que estejam de acordo com os padrões e sejam aceitos pelas autoridades italianas.

Por isso, prepare o bolso para essas correções, que geram custos adicionais.

 

Tradução juramentada

Todos os documentos que não estiverem em italiano devem ser traduzidos por um tradutor juramentado, o que significa que você vai ter que pagar taxas específicas por página ou por documento.

Embora haja uma tabela dos valores, é possível verificar formas de obter descontos se você fizer essa tradução com um tradutor juramentado indicado pelo cartório ou pela assessoria que vai auxiliar no seu processo.

 

Apostila de Haia

Quando os documentos têm origem em países que fazem parte da Convenção de Haia, como o Brasil, é necessário apostilar, para que eles sejam reconhecidos internacionalmente.

Tanto os documentos originais quanto as traduções precisam do apostilamento, que pode ser feito também na maioria dos cartórios no Brasil.

 

Passagem aérea

Se você optar por fazer o processo diretamente na Itália, vai ser necessário pagar os custos da passagem aérea e da acomodação durante o período de permanência no país.

Portanto, uma boa ideia é planejar o quanto antes para poder comprar as passagens com desconto. Afinal, como você sabe, se decidir por viajar e comprar as passagens em cima da hora, os preços ficam muito mais altos.

 

Taxas do processo

Além de tudo isso, você também precisa reservar os valores para pagar as taxas específicas do processo, para a emissão dos documentos, como a Carta d’Identità (que é como se fosse o RG) e o passaporte.

Uma questão importante a ser lembrada é que grande parte dos gastos é em euro, e a relação dele com o real pode influenciar os valores finais que você vai gastar.

Para que você saiba detalhadamente qual o valor de cada um desses passos, e também para saber como facilitar o pagamento, uma boa ideia é conversar com quem já conhece todos os trâmites e pode fornecer uma assessoria especializada.

 

Tem como conseguir a cidadania italiana de graça?

Em algumas situações específicas, é possível conseguir a cidadania italiana de forma gratuita, quando a pessoa se enquadra em condições especiais estabelecidas pela legislação italiana. Veja alguns casos:

  1. Reconhecimento de filhos menores de idade;
  2. Cidadãos italianos que tiveram a cidadania revogada injustamente durante o regime fascista;
  3. Mulheres casadas com italianos antes de 27 de abril de 1983;
  4. Algumas pessoas com deficiências;
  5. Filhos que foram adotados por cidadãos italianos.

É importante ressaltar que cada situação deve ser analisada individualmente. Por isso, sempre procure informações nos consulados ou profissionais especializados para obter os esclarecimentos necessários.

 

Quais são os tipos de processos para tirar cidadania italiana?

Para você se organizar, anote cada detalhe dos tipos de processo que existem para você requerer a sua cidadania italiana.

São elas: via consular, via administrativa e via judicial. Cada uma tem características distintas em termos de prazos, custos e procedimentos.

 

Quanto custa o processo de cidadania italiana via consulado?

A via consular é a forma mais comum de solicitar a cidadania italiana e é realizada por meio dos consulados italianos presentes em várias cidades do Brasil.

Os custos nesse tipo de processo geralmente envolvem a documentação, com tradução juramentada e apostilamento, as viagens para você ir até o consulado, se ele não for na sua cidade, possíveis taxas de correio e as taxas que o próprio consulado vai cobrar.

A via consular pode ser a mais barata para quem já tem todos os documentos necessários em mãos, porque evita os gastos com deslocamentos para a Itália. No entanto, é importante ressaltar que o tempo de espera pode ser muito longo.

 

Vantagens e desvantagens da via consular

A principal vantagem da via consular é a possibilidade de realizar o processo no Brasil, o que representa economia de valores que você teria que desembolsar para ir para a Itália.

Por outro lado, a via consular é a mais lenta devido à alta demanda e à necessidade de agendamento.

 

Quanto custa o processo de cidadania italiana via administrativa?

A via administrativa é outra opção para requerer a cidadania italiana e é realizada diretamente na Itália, no Comune (município) de residência.

Os custos nesse tipo de processo são os mesmos que a opção anterior em relação aos documentos, mais as tarifas no Comune e o deslocamento para a Itália, com passagem e aluguel da residência.

É importante lembrar sempre que o processo via administrativa pode ser mais rápido em comparação à via consular, especialmente se você já tem todos os documentos necessários e consegue ter disponibilidade de ficar um período na Itália, que pode ultrapassar dois meses.

 

Vantagens e desvantagens da via administrativa

A principal vantagem da via administrativa é a possibilidade de agilizar o processo. Além disso, o custo pode ser menor para aqueles que já estão no país ou possuem contatos por lá.

Por outro lado, o processo via administrativa requer a sua presença na Itália, o que vai demandar tempo e recursos para viagem e moradia. Além disso, a comunicação com as autoridades italianas pode ser complicada para quem não fala italiano fluentemente.

Por isso, o ideal é ter uma assessoria que ajude no processo lá também.

 

Quanto custa cidadania italiana via judicial?

A cidadania italiana também pode ser obtida por meio do Poder Judiciário italiano, especialmente em casos de recusa por parte das autoridades administrativas ou se houver ascendência de uma mulher italiana antes de 1948.

Os custos envolvidos nesse tipo de processo são os mesmos em relação à documentação, mais os honorários do advogado e as despesas processuais no tribunal italiano.

É importante lembrar que o processo via judicial pode ser mais demorado em comparação à via administrativa, mas em alguns casos pode ser a única opção viável para obter a cidadania italiana.

 

Saiba quais são os diferenciais do processo de cidadania italiana via Judicial

O processo via judicial pode ser uma alternativa interessante em situações em que os demais meios de obtenção da cidadania são inviáveis ou muito demorados, ou ainda se você teve uma solicitação negada.

Em casos de dificuldades com a documentação ou em situações especiais, o Poder Judiciário pode analisar individualmente as circunstâncias e decidir favoravelmente ao seu reconhecimento da cidadania.

E o que é mais interessante é que o processo judicial pode ser uma boa maneira de economizar. Como o caso pode ser julgado em relação a vários membros de uma mesma família, desde que descendentes do mesmo cidadão italiano, então é possível dividir o custo entre várias pessoas, como você pode ver em detalhes neste vídeo:

<iframe width="560" height="315" src="https://www.youtube.com/watch?v=1Z53_VI4ntY" frameborder="0" allowfullscreen></iframe>

 

Assessoria para cidadania italiana: vale a pena?

Diante de tantos detalhes, prazos e documentações, é comum que as pessoas busquem auxílio profissional para o processo de cidadania italiana.

Contratar uma assessoria especializada pode trazer diversas vantagens. Veja algumas delas:

  1. Conhecimento especializado: Os profissionais de assessoria estão familiarizados com os procedimentos e requisitos necessários para a obtenção da cidadania italiana, o que pode facilitar e agilizar o processo;
  2. Redução de erros: Os processos de cidadania podem ser complexos e exigem atenção aos detalhes. Uma assessoria especializada pode evitar erros que poderiam atrasar o trâmite e tornar tudo muito mais caro;
  3. Acompanhamento contínuo: A equipe de assessoria pode acompanhar o andamento do processo, fornecendo informações atualizadas e orientações claras;
  4. Agilidade: Uma assessoria especializada pode agilizar o processo de obtenção da cidadania, evitando atrasos desnecessários;
  5. Orientação personalizada: Cada caso é único, e uma assessoria pode dar orientações personalizadas, de acordo com a sua situação específica.

Por isso, é importante pesquisar e escolher uma assessoria confiável e competente, para garantir que o investimento valha a pena e que o processo seja conduzido com responsabilidade e ética.

 

Qual é a melhor empresa para tirar a cidadania italiana?

A escolha da empresa ou profissional para auxiliar no processo de cidadania italiana deve ser feita com critério e atenção. Veja alguns aspectos importantes a considerar ao selecionar uma empresa de assessoria são:

Experiência e especialização: Verifique a experiência e a especialização da empresa ou do profissional em questões de cidadania italiana;

Credibilidade: Pesquise sobre a reputação da empresa ou do profissional, buscando referências e avaliações de clientes anteriores;

Transparência: A empresa deve fornecer informações claras e detalhadas sobre os serviços prestados, incluindo prazos e custos;

Suporte: Certifique-se de que a empresa oferece suporte e acompanhamento ao longo de todo o processo;

Contrato: Antes de iniciar qualquer serviço, leia atentamente o contrato, garantindo que todas as cláusulas e condições estejam claras e justas.

Afinal, com todas essas informações, você vai poder ter o auxílio correto para alcançar esse grande sonho que é a cidadania italiana.

 

Saiba como a Rotunno pode ajudar a realizar seu sonho

E, já que você tem interesse sobre os benefícios da cidadania italiana, conheça a Rotunno, que é uma empresa de assessoria especializada em processos de cidadania e vistos, e possui experiência comprovada no auxílio a brasileiros que querem ter a cidadania italiana.

A equipe da Rotunno conta com profissionais altamente qualificados e com conhecimento específico das leis e processos italianos, e está preparada para oferecer um serviço de excelência, visando a sua satisfação e a realização do sonho da sua família.

Com transparência, agilidade e comprometimento, a Rotunno oferece um suporte personalizado e contínuo, desde a orientação inicial até a conclusão do processo.

Por isso, agora, que você já sabe todos os detalhes, planeje-se com cuidado e realize seu sonho de ter a cidadania italiana. E, claro, conte sempre com o suporte profissional da Rotunno.

Vamos conversar?

Nossos especialistas da Rotunno podem ajudar no seu processo de cidadania, de forma rápida e segura

Leia também outras notícias

  • Quarentena ocasionada pelo coronavírus prejudica serviços governamentais na Itália e impacta diretamente os processos de cidadania | Rotunno Cidadania Cidadania Italiana

    Quarentena ocasionada pelo coronavírus prejudica serviços governamentais na Itália e impacta diretamente os processos de cidadania

    Leia mais

  • Assessoria para Cidadania Italiana no Rio de Janeiro: Conheça a filial da Rotunno | Rotunno Cidadania Cidadania Italiana

    Assessoria para Cidadania Italiana no Rio de Janeiro: Conheça a filial da Rotunno

    Leia mais

  • Governo Italiano discute reajuste na taxa consular em 2020 | Rotunno Cidadania Cidadania Italiana

    Governo Italiano discute reajuste na taxa consular em 2020

    Leia mais

Este site usa cookies e dados pessoais de acordo com os nossos Termos de Uso e Política de Privacidade e, ao continuar navegando neste site, você declara estar ciente dessas condições.